SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.32 número4A posição do quantificador universal e suas implicações para o diagnóstico do movimento do verboUso, crença e atitudes na variação na primeira pessoa do plural no Português Brasileiro índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


DELTA: Documentação de Estudos em Lingüística Teórica e Aplicada

versão impressa ISSN 0102-4450versão On-line ISSN 1678-460X

Resumo

ANDRADE, Katia Emmerick  e  RONDININI, Roberto Botelho. Cruzamento vocabular: um subtipo da composição?. DELTA [online]. 2016, vol.32, n.4, pp.861-887. ISSN 1678-460X.  https://doi.org/10.1590/0102-445070748582835407.

Este artigo analisa aspectos que aproximam e distanciam os processos de formação de palavras por cruzamento vocabular, a exemplo de namorido e boadrasta, e por composição, abelha-rainha e lança-chamas, sob a ótica de um continuum morfológico, nos moldes de (Andrade, 2013), já que uma classificação baseada em representantes prototípicos de cada operação parece não ser a mais adequada à realidade lexical. Caracterizamos tais processos, fundamentando-nos, prioritariamente, em (Rio-Torto e Ribeiro, 2011), para a composição, e em (Andrade, 2008) e (Basilio, 2003;2005; 2010), para o cruzamento vocabular. Em virtude de suas características fonológicas, morfossintáticas e semântico-discursivas, o cruzamento vocabular deve ocupar posição de destaque, entre os processos de composição e derivação.

Palavras-chave : Composição; Cruzamento Vocabular; Continuum composição-derivação.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )