SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 número78Representação política de atores cívicos entre a imediaticidade da experiência e discursos de justificaçãoPolíticas públicas e a descentralização legislativa da Assembleia Constituinte Brasileira, 1987-1988 índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Ciências Sociais

versão impressa ISSN 0102-6909

Resumo

REZENDE, Flávio da Cunha. Da exogeneidade ao gradualismo: inovações na teoria da mudança institucional. Rev. bras. Ci. Soc. [online]. 2012, vol.27, n.78, pp.113-130. ISSN 0102-6909.  https://doi.org/10.1590/S0102-69092012000100008.

Este artigo analisa três inovações analíticas produzidas pela segunda geração do novo institucionalismo histórico sobre o problema da mudança na ciência política comparada. A análise reside na compreensão das alternativas encontradas para superar os limites tradicionais dos modelos centrados em premissas de estabilidade e ênfase causal nos fatores exógenos. O argumento é de que a segunda geração de pesquisas tem produzido um conjunto de sensíveis transformações analíticas e conceituais, incluindo novos conceitos, categorias analíticas e mecanismos causais para compreender a mudança de forma mais apropriada.

Palavras-chave : Ciência política comparada; Teoria da mudança institucional; Novo institucionalismo histórico; Modelos e teorias.

        · resumo em Inglês | Francês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons