SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 número2A África, o Sul e as ciências sociais brasileiras: descolonização e aberturaPós-Antropologia: as críticas de Archie Mafeje ao conceito de alteridade e sua proposta de uma ontologia combativa índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Sociedade e Estado

versão impressa ISSN 0102-6992

Resumo

MABIN, Alan. Sedimentando a teoria da cidade do Sul no tempo e lugar. Soc. estado. [online]. 2015, vol.30, n.2, pp.323-346. ISSN 0102-6992.  https://doi.org/10.1590/S0102-699220150002000004.

Ao mesmo tempo que simpático ao projeto de uma teoria urbana do Sul global e suas pretensões, este artigo é cético sobre a utilidade de uma "teoria urbana desde o Sul". O que precisamos, ou não temos ainda, é algo que não pode ser atingido somente desde o Sul, já que o mundo não está dividido de forma tão simples. O artigo rejeita a noção de que as teorias do "Norte" não possam ser úteis no Sul. Sugere que, ao invés disso, as teorias viajam e, ao fazer isso, são enriquecidas em lugares, regiões, redes e em conversações. Trabalhando entre Paris, Johanesburgo e São Paulo, o artigo sugere uma formulação relacional levando em conta os terrenos comuns entre o Norte e o Sul.

Palavras-chave : teorias do Sul; cidades do Sul; conexões; relações; urbanismo.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )