SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número3Utilização de Modelos de Mesoescala como Ferramenta Inicial para o Mapeamento Eólico do Estado da ParaíbaComportamento Hidroclimatológico do Estado do Rio Grande do Norte e do Município de Caicó índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Meteorologia

versão impressa ISSN 0102-7786versão On-line ISSN 1982-4351

Resumo

VASCONCELOS JUNIOR, Francisco das Chagas; JONES, Charles  e  GANDU, Adilson Wagner. Variações Interanuais e Intrasazonais do Início e do Fim da Pré-Estação Chuvosa e da Estação Chuvosa no Norte do Nordeste do Brasil. Rev. bras. meteorol. [online]. 2018, vol.33, n.3, pp.472-484. ISSN 1982-4351.  https://doi.org/10.1590/0102-7786333007.

O norte do Nordeste do Brasil (NNB) têm dois períodos úmidos, a pré-estação chuvosa (PESC) e a estação chuvosa (EST), as quais geralmente são tratadas como uma. O regime de chuva sobre o NNB é influenciado pelas anomalias de Temperatura da Superfície do Mar (TSM) nos Oceanos Atlântico e Pacífico em escalas interanuais particularmente pelo gradiente inter-hemisférico de anomalia de TSM (IGS) e o El Nino Oscilação Sul. Na escala intrasazonal, a Oscilação de Madden Julian (OMJ) é importante. Este estudo investiga a variabilidade da PESC e EST. A PESC é associada com o desenvolvimento do sistema de monção da América do Sul e da Zona de Convergência do Atlântico Sul (SAMS/SACZ); o início é representado pela incursão do SAMS/SACZ para norte. Circulação atmosférica ciclônicas anômalas sobre o sudeste brasileiro juntamente com anomalias de leste sobre Atlântico Tropical Norte marcam inícios antecipados da PESC, enquanto anomalias de leste sobre se posicionam sobre o Atlântico Tropical Sul são relacionados com episódios de início tardio. O final da PESC está intimamente associado com propagação da OMJ, especialmente durante as fases 4-5 de seu ciclo de vida. Um trem de ondas de Rossby no campo de altura geopotencial em 200 hPa é observado, com anomalias positivas sobre centro-sudeste do Brasil retratando sua ocorrência durante a fase de transição entre PESC e EST.

Palavras-chave : pré estação chuvosa; estação chuvosa; Nordeste do Brasil; OMJ.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )