SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.53 número2Assimetria na Transmissão de Preços e Poder de Mercado: o caso do mercado varejista de etanol no estado de São PauloImpactos Econômicos do Código Florestal Brasileiro: uma discussão à luz de um modelo computável de equilíbrio geral índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista de Economia e Sociologia Rural

versão impressa ISSN 0103-2003versão On-line ISSN 1806-9479

Resumo

FREITAS, Clailton Ataídes de  e  SAFADI, Thelma. Volatilidade dos Retornos de Commodities Agropecuárias Brasileiras: um teste utilizando o modelo APARCH. Rev. Econ. Sociol. Rural [online]. 2015, vol.53, n.2, pp.211-228. ISSN 1806-9479.  http://dx.doi.org/10.1590/1234-56781806-9479005302002.

Este estudo analisou (2005-2013) a persistência, a alavancagem e a variância incondicional dos retornos de commodities agropecuárias3. Assim, recorreu-se ao modelo denominado APARCH. As estimativas apontaram que a alavancagem não foi confirmada nessas séries; a variância condicional foi assimétrica nos retornos do etanol, do café, do algodão, do boi gordo e do bezerro; as volatilidades mais intensas, embora com convergência às suas médias históricas, ocorreram nos retornos do açúcar, da soja, do café, do trigo, do frango e do boi gordo; as maiores volatilidades incondicionais foram dos retornos do etanol, do frango, do algodão, da soja e do açúcar.

Palavras-chave : Efeito alavancagem; Modelo da família ARCH; Séries agropecuárias; Potência assimétrica..

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )