SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.57 número2Crescimento da PTF segundo tamanho de estabelecimentos rurais na região Sudeste, de 1985 a 2006 índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista de Economia e Sociologia Rural

versão impressa ISSN 0103-2003versão On-line ISSN 1806-9479

Resumo

ROCHA JUNIOR, Adauto Brasilino; FREITAS, Jacy Alves de; CASSUCE, Francisco Carlos da Cunha  e  COSTA, Silvia Maria Almeida Lima. Análise dos determinantes da utilização de assistência técnica por agricultores familiares do Brasil em 2014. Rev. Econ. Sociol. Rural [online]. 2019, vol.57, n.2, pp.181-197.  Epub 15-Jul-2019. ISSN 1806-9479.  https://doi.org/10.1590/1806-9479.2019.184459.

No presente trabalho são analisados os determinantes da utilização de assistência técnica pelos agricultores familiares brasileiros em 2014. Utilizando dados da Pesquisa Nacional por Amostras Domiciliares (PNAD) de 2014, foi estimado um modelo de regressão qualitativa probit, permitindo a identificação da magnitude e significância do efeito de cada variável explicativa sobre a probabilidade de utilização de assistência técnica no último trabalho agrícola desenvolvido no empreendimento. Os resultados evidenciam que o perfil socioeconômico, as características produtivas e a localização do agricultor familiar afetam significativamente a probabilidade de utilização da assistência técnica. Observou-se que o fato de um indivíduo possuir pele não branca, ter como principal canal de comercialização a venda direta ao consumidor, ser cessionário ou apresentar condição não especificada em relação à terra, possuir idade avançada ou baixa escolaridade ou renda per capita apresentam efeito estatisticamente significativo de redução na probabilidade de utilização da assistência técnica. Por outro lado, o fato de o indivíduo ter como principal canal de comercialização a venda para empresas ou cooperativas, de possuir empregados temporários ou estar localizado na região Sul aumentam essa probabilidade. Conclui-se, por fim, que estudos aprofundados para o melhor entendimento desses efeitos podem fornecer respaldo para o aperfeiçoamento das ações de assistência técnica.

Palavras-chave : ater; agricultura familiar; assistência técnica; capacitação técnica.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )