SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 número2Mundialização dos mercados e padrões de qualidade: vinho, o modelo francês em questãoEconomistas e culturas econômicas no Brasil e na Argentina: notas para uma comparação a propósito das heterodoxias índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Tempo Social

versão impressa ISSN 0103-2070versão On-line ISSN 1809-4554

Resumo

GRUN, Roberto. A sociologia das finanças e a nova geografia do poder no Brasil. Tempo Soc. [online]. 2004, vol.16, n.2, pp.151-176. ISSN 1809-4554.  https://doi.org/10.1590/S0103-20702004000200007.

Os últimos anos assistiram ao desenvolvimento da sociologia das finanças, uma nova especialidade dentro da também nova (ou renovada) sociologia econômica. O objetivo do texto é apresentar alguns aspectos da nova área, algumas comparações sobre seu desenvolvimento no espaço de interlocução anglo-saxão com as peculiaridades do seu caminho francês, para depois tentar aplicar alguns desses insights na análise da cena social brasileira contemporânea. Especial atenção é dada à análise da criação simultânea de novos produtos financeiros e novos atores sociais dotados de agendas próprias, não só na esfera econômica, mas também na esfera mais geral de regulação da sociedade.

Palavras-chave : Governança corporativa; Sociologia das finanças; Fundos de pensão; Sociologia econômica; Cultura econômica.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons