SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.31 número1Perfil clínico de longevos em uma unidade de terapia intensivaAdesão de portadores de doença renal crônica em hemodiálise ao tratamento estabelecido índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Acta Paulista de Enfermagem

versão impressa ISSN 0103-2100versão On-line ISSN 1982-0194

Resumo

LUIS, Margarita Antonia Villar; GARCIA, Marcus Vinícius de Lima; BARBOSA, Sara Pinto  e  LIMA, Deivson Wendell da Costa. O uso de álcool entre idosos atendidos na Atenção Primária à Saúde. Acta paul. enferm. [online]. 2018, vol.31, n.1, pp.46-53. ISSN 1982-0194.  http://dx.doi.org/10.1590/1982-0194201800008.

Objetivo:

Verificar o padrão do uso de álcool entre idosos atendidos em um serviço de Atenção Primária à Saúde e descrever a relação do uso desta substância com as variáveis sociodemográficas.

Métodos:

Estudo observacional, transversal, quantitativo, com idosos de um serviço de saúde de Atenção Primária de município do interior de São Paulo/Brasil. De um total de 750 idosos, foram incluídos 112; entrevistados 85 e a amostra final foi de 25 que auto relataram uso de álcool. Os dados do estudo foram obtidos através de entrevistas para aplicação de instrumentos: questionário sociodemográfico, Michigan Alcoholism Screenig Test-Geriatric Version (MAST-G); Alcohol Use Disorders Identification Test (AUDIT).

Resultados:

Predominou o sexo feminino (56%), a condição de aposentados (56%), a idade média foi 69,8 anos (variação entre 60 e 83 anos), níveis de escolaridade, desde curso superior completo até não possuir grau de instrução, média de 7,4 anos estudados. No AUDIT, 15 idosos (60%) pontuaram entre 8 e 14, portanto uso de risco e 10 (40%) tiveram escore 7 incluídos no uso de baixo risco. No MAST-G, os 25 pacientes (100%) sugerem ter problema relacionado ao uso do álcool.

Conclusão:

O estudo contribui no que diz respeito à situação do uso de álcool por idosos e isto está na constatação de que, na população estudada, existe maior número de mulheres em situação de risco. Estas questões devem ser consideradas na abordagem e investigações pelos profissionais de saúde, na perspectiva de realizarem estratégias para o tratamento global e humanizado do idoso usuário de álcool.

Palavras-chave : Atenção primária à saúde; Saúde do idoso; Transtornos relacionados ao uso de álcool; Idoso; Usuários de drogas.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )