SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.32 número67SOCIOLOGIAS INDÍGENAS IORUBA: A ÁFRICA, O DESCONCERTO E ONTOLOGIAS NA SOCIOLOGIA CONTEMPORÂNEADOIS PAÍSES, O MESMO DILEMA? REFLEXÕES SOBRE A DEMOCRACIA E O RACISMO NOS ESTADOS UNIDOS E NO BRASIL índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Estudos Históricos (Rio de Janeiro)

versão impressa ISSN 0103-2186versão On-line ISSN 2178-1494

Resumo

AGOAS, FREDERICO  e  CASTELO, CLÁUDIA. CIÊNCIAS SOCIAIS, DIPLOMACIA E COLONIALISMO TARDIO: A PARTICIPAÇÃO PORTUGUESA NA COMISSÃO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA NA ÁFRICA AO SUL DO SAARA (CCTA). Estud. hist. (Rio J.) [online]. 2019, vol.32, n.67, pp.409-428.  Epub 05-Set-2019. ISSN 2178-1494.  http://dx.doi.org/10.1590/s2178-14942019000200005.

Instituída no segundo pós-guerra, num contexto de crescente contestação ao colonialismo e como resposta das potências coloniais europeias ao interesse científico das Nações Unidas e de círculos académicos norte-americanos pela África, a Comissão de Cooperação Técnica na África ao Sul do Saara (CCTA) revelou uma atenção particular aos estudos sociais, estabelecendo uma agenda de pesquisas paralela à da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). Com base nos arquivos diplomático e científico colonial, o artigo analisa a atividade da CCTA naquele domínio e, sobretudo, a participação portuguesa nessas dinâmicas, determinando a importância relativa do país na sua promoção e seus reflexos no campo das ciências sociais em Portugal.

Palavras-chave : Sociologia; Colonialismo; Portugal; CCTA; Unesco.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )