SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.14 número2O uso da variável "raça" na pesquisa em saúdeCólera e gentes de cores ou o acesso aos socorros públicos no século XIX índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Physis: Revista de Saúde Coletiva

versão impressa ISSN 0103-7331versão On-line ISSN 1809-4481

Resumo

COSTA, Rosely Gomes. O que a seleção de doadores de gametas pode nos dizer sobre noções de raça. Physis [online]. 2004, vol.14, n.2, pp.235-255. ISSN 1809-4481.  https://doi.org/10.1590/S0103-73312004000200004.

O artigo, fruto de uma pesquisa em andamento, analisa como é feita a seleção de doadores de gametas para a realização de fertilização in vitro e sua relação com noções sobre raça. Quem realiza essa escolha? Quais características são levadas em conta e, como, e em que medida, essas características apontam para noções referentes à raça? A pesquisa vem sendo feita com médicos e com pessoas que buscam a técnica de doação de gametas em clínicas privadas e um hospital público do interior de São Paulo e com bancos de sêmen da cidade de São Paulo. Busca-se discutir: a importância das semelhanças fenotípicas entre doadores e receptores assinalada tanto por médicos como por pacientes; a intervenção e o controle dos médicos na seleção de doadores; as classificações raciais utilizadas pelas instituições médicas nessa seleção; o desejo, por parte das receptoras, de doadoras semelhantes ou "mais claras" que elas, seja para manter o segredo da doação, seja para que a criança não seja discriminada no futuro.

Palavras-chave : Reprodução assistida; doação de gametas; parentesco; raça; classificação racial.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons