SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 número4Os "daltônicos" e suas dificuldades: condição negligenciada no Brasil?Da cidadania à realização de projetos de vida: inclusão social de usuários de um Centro de Atenção Psicossocial na vida cotidiana índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Physis: Revista de Saúde Coletiva

versão impressa ISSN 0103-7331versão On-line ISSN 1809-4481

Resumo

MACHIN, Rosana  e  COUTO, Marcia Thereza. "Fazendo a escolha certa": tecnologias reprodutivas, práticas lésbicas e uso de bancos de sêmen. Physis [online]. 2014, vol.24, n.4, pp.1255-1274. ISSN 1809-4481.  https://doi.org/10.1590/S0103-73312014000400012.

A obtenção de sêmen para reprodução é uma questão central no projeto de filiação entre lésbicas e envolve considerações em torno de ideais culturais, parentesco e princípios normativos/legais. O estudo de natureza qualitativa foi realizado com lésbicas buscando a maternidade por meio de tecnologias reprodutivas e aquisição de sêmen em bancos no Brasil e no exterior. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas com profissionais de saúde atuantes no campo de tecnologias reprodutivas (10) e lésbicas (10 casais) em São Paulo/SP entre 2010/2012. Há um desejo por maximizar conexões estabelecendo um link da filiação com as características fenotípicas presentes na família e no casal, num arranjo que proporcione uma percepção de "natural" conexão, com a biologia como um importante símbolo do compartilhamento do vínculo criado. Em razão de uma alegada pouca disponibilidade de sêmen compatível com as demandas formuladas pelos casais, tem havido importação de sêmen para os procedimentos, acarretando uma série de novas questões.

Palavras-chave : Tecnologia reprodutiva; maternidade lésbica; bancos de sêmen.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )