SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.39 número9Alguns aspectos biométricos do aparelho genital externo de jumentos doadores de sêmen da raça PêgaPerfil hematólogico e características das fezes de equinos consumindo dietas hiperlipidêmicas índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência Rural

versão impressa ISSN 0103-8478versão On-line ISSN 1678-4596

Resumo

SILVA, Teane Milagres Augusto da et al. Diagnóstico etiológico de aborto infeccioso bovino por PCR. Cienc. Rural [online]. 2009, vol.39, n.9, pp.2563-2570. ISSN 1678-4596.  https://doi.org/10.1590/S0103-84782009000900028.

Aborto infeccioso é uma causa significativa de falhas reprodutivas e perdas econômicas na bovinocultura. O objetivo deste estudo foi detectar ácidos nucleicos de vários agentes infecciosos reconhecidos como causadores de aborto, incluindo-se Arcanobacterium pyogenes, Herpesvirus bovino tipo 1, Brucella abortus, Campylobacter fetus subsp. venerealis, Chlamydophila abortus, Leptospira sp., Listeria monocytogenes, Salmonella sp., Mycoplasma bovis, Mycoplasma bovigenitalium, Neospora caninum e Tritrichomonas foetus. Homogenados de tecidos de 42 fetos e tecidos incluídos em parafina de 28 fetos e 14 placentas/endométrio foram incluídos neste estudo. Brucella abortus foi detectada em 14,2% (12/84) das amostras. DNA de Salmonella sp. foi amplificado de dois fetos e houve um feto positivo para Neospora caninum e outro para Listeria monocytogenes. Essa metodologia baseada em PCR resultou na identificação da etiologia em 19% das amostras ou 20% se considerados somente os tecidos fetais.

Palavras-chave : bovino; aborto; Brucella abortus; Salmonella sp.; Neospora caninum; Listeria monocytogenes.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons