SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.57 número3Ação de produtos químicos in vitro e in vivo sobre Clavibacter michiganensis subsp. michiganensis, agente causal do cancro bacteriano do tomateiroDesenvolvimento vegetativo do pepino enxertado irrigado com água salina índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Scientia Agricola

versão On-line ISSN 1678-992X

Resumo

MASCARENHAS, Hipólito Assunção Antonio et al. Calcário e potássio para a cultura de soja. Sci. agric. [online]. 2000, vol.57, n.3, pp.445-449. ISSN 1678-992X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-90162000000300012.

Durante três anos agrícolas foi conduzido um experimento em Latossolo Vermelho-Escuro álico, textura argilosa em Mococa, SP, para estudar o efeito da aplicação de doses de calcário dolomítico (0, 3,5 e 7 t ha-1) e de potássio (0, 150, 300, 450 e 600 kg ha-1 de K2O na forma de KCl) sobre a produtividade da soja. Os dois insumos foram aplicados a lanço e incorporados ao solo. Foram utilizados os cultivares IAC-17 e FT-2, ambos com 110 dias de ciclo, cujas sementes foram inoculadas com Bradyrhizobium fixador do N atmosférico. Na análise conjunta, verificou-se que a máxima eficiência técnica seria obtida com 383 e 441 kg ha-1 de K2O, em associação, respectivamente, com 3,5 e 7 t ha-1 de calcário, e também quando as relações de (Ca + Mg)/K foram, em média, de 14 a 23 no solo. A produtividade do cv. FT-2 sempre foi maior do que a do IAC-17, exceto na ausência da adubação potássica. As produtividades máximas de 2384 e 1786 kg ha-1, foram obtidas para os cultivares FT-2 e IAC-17 com a adubação de 450 e 370 kg ha-1 de K2O, respectivamente. Com os mesmos 370 kg ha-1 de K2O aplicados no cv. IAC-17, seriam obtidos 2354 kg ha-1 com o cv. FT-2, o que é indicativo da maior eficiência deste genótipo na utilização do nutriente potássico aplicado.

Palavras-chave : Glycine max; produção; cultivar; relação de cátions.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons