SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 issue2The influence of minimum wage on Brazilian wage rate in the last decade author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Economia e Sociedade

Print version ISSN 0104-0618On-line version ISSN 1982-3533

Abstract

MAIA, Alexandre Gori  and  SAKAMOTO, Arthur. Estrutura ocupacional e desigualdade socioeconômica: um estudo comparativo entre o Brasil e os Estados Unidos. Econ. soc. [online]. 2015, vol.24, n.2, pp.229-261. ISSN 1982-3533.  http://dx.doi.org/10.1590/1982-3533.2015v24n2art1.

Este trabalho analisa a contribuição da estrutura ocupacional como fonte de desigualdade no Brasil, fazendo um estudo comparativo com os Estados Unidos. Mudanças entre e dentro das estruturas ocupacionais são analisadas entre 1983 e 2011, verificando em que medida essas transformações contribuíram para atenuar os níveis de desigualdade socioeconômica. São consideradas diferenças de escolaridade, sexo, gênero e raça. Os resultados destacam: (1) um nível substancialmente superior de desenvolvimento da estrutura ocupacional nos Estados Unidos, refletindo as diferenças socioeconômicas entre os países; (2) uma tênue convergência entre as estruturas dos dois países no período; (3) uma expressiva redução das diferenças de escolaridade, idade, gênero e raça na inserção ocupacional dos dois países, ou seja, redução da estratificação social. O trabalho conclui sobre a relevante contribuição analítica da estrutura ocupacional como fator explicativo da desigualdade socioeconômica de um país ao longo do tempo ou entre países em um específico período de tempo.

Keywords : Ocupações; Desigualdade; Mercado de trabalho; Estratificação social; Modelo logística multinomial.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )