SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 número2Estrutura ocupacional e desigualdade socioeconômica: um estudo comparativo entre o Brasil e os Estados UnidosApontamentos para o debate sobre o pleno emprego no Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Economia e Sociedade

versão impressa ISSN 0104-0618versão On-line ISSN 1982-3533

Resumo

MEDEIROS, Carlos Aguiar de. A influência do salário mínimo sobre a taxa de salários no Brasil na última década. Econ. soc. [online]. 2015, vol.24, n.2, pp.263-292. ISSN 1982-3533.  https://doi.org/10.1590/1982-3533.2015v24n2art2.

A partir da revisão de uma revisão da literatura estruturalista institucionalista do mercado de trabalho explorou-se, neste texto, as conexões entre o aumento do assalariamento formal e a elevação do poder de compra do salário mínimo ocorrido na última década na economia brasileira. Discutiu-se como este passou a exercer crescente influência sobre a formação da taxa de salários de amplos segmentos dos trabalhadores assalariados formais e informais e da renda dos trabalhadores autônomos sem recursos de qualificação. Argumentou-se que, ao lado de seu impacto positivo sobre o emprego formal e redução da pobreza, esta influência decorreu de mudanças na composição dos padrões de consumo e do emprego com o crescimento mais do que proporcional do assalariamento no setor de serviços e da evolução dos preços relativos.

Palavras-chave : Salário mínimo; Emprego assalariado; Crescimento econômico; Pobreza; Distribuição de renda.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )