SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 número4PESSOAS IDOSAS EM ATENDIMENTO AMBULATORIAL: MOTIVOS QUE LEVAM A ADESÃO/NÃO ADESÃO AOS MEDICAMENTOSREVELANDO O MUNDO DO TRATAMENTO ONCOLÓGICO POR MEIO DO BRINQUEDO TERAPÊUTICO DRAMÁTICO índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Texto & Contexto - Enfermagem

versão impressa ISSN 0104-0707versão On-line ISSN 1980-265X

Resumo

ANDRECHUK, Carla Renata Silva  e  CEOLIM, Maria Filomena. QUALIDADE DO SONO EM PACIENTES COM INFARTO AGUDO DO MIOCÁRDIO. Texto contexto - enferm. [online]. 2015, vol.24, n.4, pp.1104-1111. ISSN 1980-265X.  http://dx.doi.org/10.1590/0104-0707201500002970014.

Este estudo objetivou descrever a qualidade do sono e identificar fatores associados à mesma em pacientes hospitalizados devido a infarto agudo do miocárdio. Estudo descritivo e transversal em que participaram 113 pacientes (70,8% homens, média de idade 59,7). Utilizou-se um instrumento para caracterização sociodemográfica e clínica e o Índice de Qualidade do Sono de Pittsburgh. Verificou-se que 71,7% dos participantes tinham sono de má qualidade e que mais de 64% dormiam seis horas ou menos por noite. A presença de diabete melito, depressão e a ausência da prática de atividade física contribuíram para aumentar o escore final do Índice de Qualidade do Sono de Pittsburgh em cerca de 2,5 pontos para cada uma destas variáveis. Identificar a qualidade do sono e propor intervenções para sua melhora devem integrar as ações do enfermeiro visando à redução de prejuízos à saúde dos pacientes antes e após episódio de infarto agudo do miocárdio.

Palavras-chave : Sono; Infarto do miocárdio; Enfermagem.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )