SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 issue2MEANINGS OF THE CORPOREAL EXPERIENCES OF PEOPLE WITH PULMONARY TUBERCULOSIS: THE CONSTRUCTION OF A NEW IDENTITYHEALTH RISK BEHAVIORS OF MEN FROM THE SOUTHERN BRAZIL author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Texto & Contexto - Enfermagem

Print version ISSN 0104-0707On-line version ISSN 1980-265X

Abstract

RIBEIRO, Nilva Maria; CASTRO, Sybelle de Souza; SCATENA, Lúcia Marina  and  HAAS, Vanderlei José. ANÁLISE DA TENDÊNCIA TEMPORAL DO SUICÍDIO E DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES EM SAÚDE EM RELAÇÃO ÀS TENTATIVAS DE SUICÍDIO. Texto contexto - enferm. [online]. 2018, vol.27, n.2, e2110016.  Epub May 03, 2018. ISSN 1980-265X.  https://doi.org/10.1590/0104-070720180002110016.

Objetivo:

analisar o perfil epidemiológico dos casos de tentativas de suicídios e suicídios nos bancos de dados do Sistema de Informação de Mortalidade e Sistema de Informação de Agravos de Notificação e a tendência temporal da mortalidade por suicídio.

Método:

estudo quantitativo e de série temporal, utilizou-se as bases de dados do Sistema de Informação de Mortalidade para os óbitos por suicídio e o Sistema de Informação de Agravos de Notificação para análise dos casos de tentativas de suicídios e óbitos por suicídio notificados por autointoxicação exógena e violência por autoextermínio,na cidade de Uberaba, Minas Gerai/Brasil.

Resultados:

169 tentativas de suicídio e 11 óbitos por suicídios foram analisados. O Sistema de Informação de Mortalidade é mais sensível à captação de óbitos por suicídio que o Sistema de Informação de Agravos de Notificação. Nas tentativas de suicídio do sexo feminino destacaram-se o uso de medicamentos e envenenamento, entre 15 e 29 anos. No Sistema de Informação de Mortalidade, o suicídio ocorreu principalmente entre 30 e 59 anos, destaque para homens e os principais meios de agressão foram enforcamento seguido de autointoxicação. A série temporal apresentou tendência crescente de 0,065 ao ano e aceleração negativa de 0,007.

Conclusão:

a tentativa de suicídio é predominante em adolescentes e adultos jovens, mulheres tentam mais suicídio do que os homens através de métodos menos agressivos. A mortalidade é maior entre 30 e 49 anos, 45,4% por enforcamento. A análise de série temporal indicou tendência crescente e incidência maior para o sexo masculino.

Keywords : Suicídio; Tentativa de suicídio; Sistemas de informação em saúde; Estudos de séries temporais; Epidemiologia.

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )