SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.62 número9Futuro reprodutivo após tratamento quimioterápico da neoplasia trofoblásticaQualidade de vida relacionada à saúde em idosos brasileiros residentes em comunidade e institucionalizados: comparação entre gêneros índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista da Associação Médica Brasileira

versão impressa ISSN 0104-4230versão On-line ISSN 1806-9282

Resumo

VARELLA, ANDREA YASBEK MONTEIRO et al. Tradução e validação da Hyperhidrosis Disease Severity Scale. Rev. Assoc. Med. Bras. [online]. 2016, vol.62, n.9, pp.843-847. ISSN 1806-9282.  https://doi.org/10.1590/1806-9282.62.09.843.

Objetivo:

a avaliação de pacientes com hiperidrose (HH) pode ser realizada, entre outras maneiras, por questionários e escalas. O Hyperhidrosis Disease Severity Scale (HDSS) tem sido utilizado como uma forma simples e rápida. Embora o HDSS seja utilizado em outros idiomas, ainda não foi traduzido para o português, limitando sua utilização em pacientes brasileiros. O objetivo deste estudo foi traduzir o HDSS para o português e validá-lo em uma amostra brasileira.

Método

duzentos e noventa (290) pacientes brasileiros (69% mulheres, idade média de 28,7±9,6 anos e IMC médio de 22,4±3.9 kg/m2) com HH foram avaliados pelo HDSS, pelo Questionário de Qualidade de Vida (QQV) e pelo Questionário de Evolução da Sudorese (QES) antes e após 5 semanas de tratamento com oxibutinina. Para a validação de constructo do HDSS, foi realizada a associação entre seus resultados com os dos outros dois questionários. Para analisar a sua sensibilidade, foi realizada a análise do efeito pré e pós-tratamento com oxibutinina. Além disso, foi analisada a sua reprodutibilidade em uma subamostra, na qual a escala foi aplicada novamente após 7 dias da primeira consulta.

Resultados

observamos correlação estatística entre o HDSS e o QQV e entre o HDSS e o QES antes do tratamento e após 5 semanas. O HDSS demonstrou ser reprodutível e sensível em relação ao efeito do tratamento.

Conclusão

a versão em português da escala HDSS apresentou validade e reprodutibilidade em amostra brasileira e pode ser utilizada como instrumento na assistência à saúde de pacientes com HH.

Palavras-chave : hiperidrose; escalas; questionários; traduções; estudos de validação.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )