SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 número73A Teoria da Modernização aplica-se à América Latina? Um estudo do século XIX ao XXIResiliência eleitoral dos presidentes latino-americanos após a crise de 2008 e o refluxo da onda rosa índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista de Sociologia e Política

versão impressa ISSN 0104-4478versão On-line ISSN 1678-9873

Resumo

NUNES, Wellington. Políticas públicas e construção de capacidades estatais: comparando políticas industriais e sociais no Brasil. Rev. Sociol. Polit. [online]. 2020, vol.28, n.73, e004.  Epub 26-Jun-2020. ISSN 1678-9873.  https://doi.org/10.1590/1678-987320287304.

Introdução:

Este artigo trata da construção de capacidades estatais enquanto condição necessária (mas não suficiente) ao processo de produção de políticas públicas. O interesse maior recai sobre o fracasso das políticas industriais conduzidas durante os governos do Partido dos Trabalhadores. A questão que norteia o trabalho é: por que esses programas de política industrial falharam?

Materiais e Métodos:

Mobilizamos uma abordagem comparativa (entre arranjos institucionais de política pública) que envolveu políticas industriais e políticas sociais do período 2004-2014. A técnica escolhida, Qualitative Comparative Analysis (QCA), permite verificar padrões associativos entre condições e resultados, em desenhos de pesquisa envolvendo poucos casos, através da comparação sistemática entre eles.

Resultados:

Verificamos que níveis distintos de capacidades gerados pelos arranjos das políticas industriais e sociais estão associados aos resultados e às práticas inovadoras nas respectivas políticas. Os níveis de capacidades (entendidos como condições causais) estão de fato associados às variáveis de resultado (entendidas como entrega de produto e inovação).

Discussão:

A análise empreendida corrobora a interpretação bastante difundida de que o êxito na produção de políticas públicas em contextos democráticos depende, em boa medida, do processo de construção de capacidades.

Palavras-chave : políticas públicas; políticas industriais; construção de capacidades; análise comparativa; QCA.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )