SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.3 número1Avaliando empiricamente o impacto da reengenharia de processos empresariais nas firmas de manufaturaGlobalização e capacitação tecnológica nos países de industrialização tardia: lições para o Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Gestão & Produção

versão impressa ISSN 0104-530X

Resumo

CARVALHO, J.M. Valério de. Solução exacta de problemas de corte unidimensional usando o método de partição e avaliação sucessivas e geração diferida de colunas. Gest. Prod. [online]. 1996, vol.3, n.1, pp.33-48. ISSN 0104-530X.  https://doi.org/10.1590/S0104-530X1996000100002.

Quando se pretende obter uma solução inteira para o problema de corte unidimensional, depois de se ter resolvido a sua relaxação linear, é frequente recorrer, quer a técnicas de arredondamento de soluções, quer a diversos tipos de heurísticas. Estas dificuldades decorrem do facto de não ser viável enumerar todas as variáveis estruturais do problema, cujo número pode ser da ordem dos milhões. Neste artigo, apresenta se uma formulação em que o número de variáveis e restrições é uma função polinomial da largura do stock e do número de pedidos. Para algumas classes de problemas, é possível enumerar todas as variáveis e obter a solução óptima usando o método da partição e avaliação sucessivas. Para instâncias de maiores dimensões, apresenta se um procedimento que combina a geração diferida de colunas e o método da partição e avaliação sucessivas. Define se o subproblema e o modo como é modificado durante a fase de partição e avaliação sucessivas. São apresentados resultados de testes computacionais para diversos problemas de teste.

Palavras-chave : problemas de corte unidimensional; geração diferida de colunas; partição e avaliação sucessivas.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons