SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número58O ativismo das jovens feministas em Madri pós-15M *Design and Validation of a Questionnaire about The Perception of Equality in The World of Work índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Cadernos Pagu

versão impressa ISSN 0104-8333versão On-line ISSN 1809-4449

Resumo

SARMENTO, Rayza. O feminismo no jornalismo *. Cad. Pagu [online]. 2020, n.58, e205802.  Epub 03-Ago-2020. ISSN 1809-4449.  https://doi.org/10.1590/18094449202000580002.

Este trabalho investiga como foi construído o sujeito do feminismo no jornalismo brasileiro. Os debates sobre sujeito são hoje uma das dimensões fundamentais da teoria política feminista. Neste paper, a análise empírica se concentra em 579 textos publicados no jornal Folha de São Paulo, entre os anos de 1921 e 2016. No primeiro momento (1921 a 1959), observamos que os enquadramentos sobre o sujeito se alternavam na construção da feminista desviante e da feminista aceitável. No segundo momento (1960 a 1989), o quadro da feminista desviante permanece junto de uma ideia mais forte da organização política, a feminista organizada. No terceiro momento (1990 a 2016), novamente, a manutenção do sujeito feminismo como desviante e uma nova ênfase na dimensão individual do ativismo.

Palavras-chave : Estudos Feministas de Mídia; Feminismo; Jornalismo.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )