SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 issue1O RUMOR E O TERROR NA CONSTRUÇÃO DE TERRITÓRIOS DE VULNERABILIDADE NA ZONA PORTUÁRIA DO RIO DE JANEIRO author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Mana

Print version ISSN 0104-9313On-line version ISSN 1678-4944

Abstract

MONTEIRO, Bruno. O TRABALHO EM CARNE VIVA. OBSERVAÇÃO PARTICIPANTE DO TRABALHO OPERÁRIO. Mana [online]. 2016, vol.22, n.1, pp.211-232. ISSN 1678-4944.  http://dx.doi.org/10.1590/0104-93132016v22n1p211.

Este texto visa expor a lógica moral e sensual do universo fabril, tentando suplementar as leituras excessivamente técnicas do trabalho com um estudo contextualizado e encarnado das práticas operárias. Nesse sentido, o investigador procedeu a um trabalho de observação participante, trabalhando 14 semanas, em 2007, como operador de máquina numa fábrica de mobiliário do Noroeste português. Um ano mais tarde, em 2008, ele voltaria para estudar a comunidade envolvente por mais 16 semanas. A partir da objectivação sociológica da experiência visceral do trabalho, foi possível conhecer o processo de incorporação do senso prático dos trabalhadores, conhecido localmente como "aprender a arte". Dada a sua relevância, é concedida uma atenção particular às implicações que teve o recurso à observação participante para esta pesquisa sociológica.

Keywords : Etnografia; Incorporação; Operariado; Senso prático; Regime de notoriedade.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )