SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 número3Extrato da glândula de feromônio na atração e estimulação alimentar de ninfas de Podisus nigrispinus (Dallas) e Supputius cincticeps (Stal)Resistência de genótipos de milho ao ataque de Sitophilus zeamais Mots. (Coleoptera: Curculionidae) índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Anais da Sociedade Entomológica do Brasil

versão impressa ISSN 0301-8059versão On-line ISSN 1981-5328

Resumo

DA CRUZ, Ivana B. M.; HUMERES, Eduardo  e  OLIVEIRA, Alice K.. Toxicidade de fention em Anastrepha fraterculus (Wied. ) (Diptera: Tephritidae): análise da resposta à dose. An. Soc. Entomol. Bras. [online]. 1997, vol.26, n.3, pp.471-479. ISSN 1981-5328.  https://doi.org/10.1590/S0301-80591997000300009.

Três bioensaios toxicológicos foram feitos na F1 de duas populações sul brasileiras de Anastrepha fraterculus (Wied.). A dose letal de fention para matar 50% e 90% da população foi estimada somente em dois bioensaios: por contato residual e administração oral. Resultados da aplicação tópica, usando fention diluido em álcool, acetona ou água, não foram consistentes. Isto, porque foi observada uma alta mortalidade nas amostras controle, tratadas somente com álcool ou acetona (>10%), enquanto que nas amostras tratadas com água não foi observada uma resposta linear entre a dose e a mortalidade. O bioensaio por contato residual foi significativamente mais tóxico quando comparado com o de administração oral, sendo que os coeficientes angulares obtidos nos dois testes foram os mesmos para machos e fêmeas das populações estudadas. Um teste adicional para avaliar repelência ao inseticida mostrou não haver discriminação dos insetos por dietas com ou sem fention.

Palavras-chave : Insecta; mosca-das-frutas; inseticida; toxicidade.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons