SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.37 número5Plantas de cobertura no controle da erosão hídrica no Sul de Minas GeraisDistribuição espacial do risco de erosão hídrica em uma bacia hidrográfica com eucalipto e Mata Atlântica índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência e Agrotecnologia

versão impressa ISSN 1413-7054

Resumo

BARROS, Dalmo Arantes de et al. Propriedades físicas do solo de campos altimontanos sob interferência da mineração de bauxita. Ciênc. agrotec. [online]. 2013, vol.37, n.5, pp.419-426. ISSN 1413-7054.  https://doi.org/10.1590/S1413-70542013000500005.

A mineração contribui para a qualidade de vida da sociedade contemporânea, porém pode gerar impactos significativos, sendo esses mitigados em função dos controles ambientais adotados. Neste trabalho objetivou-se caracterizar as propriedades físicas do solo, mediante a influência de empreendimentos minerários, avaliando as respostas dos atributos edáficos frente às técnicas utilizadas para a recuperação de áreas degradadas pela mineração de bauxita na região do planalto de Poços de Caldas, MG. O delineamento experimental foi concebido com 3 blocos casualizados, com 2 tratamentos (antes da intervenção minerária e depois da recuperação ambiental), e 4 repetições (N=24). Em cada situação, por meio das amostras com estruturas deformadas foram determinados: granulometria, argila dispersa em água, índice de floculação, densidade de partículas, índice de pedregosidade, estabilidade de agregados em água e teor total de matéria orgânica, por meio das amostras com estrutura preservada foram determinadas: densidade do solo, volume total de poros, macroporos e microporos. Após a recuperação da área minerada, ocorreu homogeneização da pedregosidade entre as camadas, decorrente do revolvimento e, consequentemente, da sua redução na camada de 0,10 a 0,20 m; os processos de recuperação da área minerada propiciaram manutenção dos teores de matéria orgânica, aumento do grau de floculação do solo e redução da argila dispersa em água; a intervenção minerária proporcionou alterações estruturais na camada superficial do solo, evidenciadas pelo aumento na sua densidade, redução na porosidade total e macroporosidade; houve redução da estabilidade de agregados em água após a intervenção minerária.

Palavras-chave : Recuperação ambiental; qualidade física do solo; recuperação do solo.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons