SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 número3Atletas de base de futebol: a experiência de viver em alojamentoA fluência e sua importância para a compreensão da leitura índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Psico-USF

versão On-line ISSN 2175-3563

Resumo

MOGNON, Jocemara Ferreira  e  SANTOS, Acácia Aparecida Angeli dos. Autoeficácia para dirigir, desengajamento moral e impulsividade em motoristas. Psico-USF [online]. 2014, vol.19, n.3, pp.457-466. ISSN 2175-3563.  https://doi.org/10.1590/1413-82712014019003008.

O objetivo deste estudo foi verificar possíveis diferenças nos escores dos instrumentos que avaliam a autoeficácia para dirigir, o desengajamento moral e a impulsividade em razão de variáveis como sexo, faixa etária, tempo de habilitação e frequência com que se dirige, bem como analisar a predição destes construtos para envolvimento em multas e acidentes de trânsito. Participaram 500 motoristas em processo de renovação da CNH, com idades entre 23 e 78 anos, sendo 60,4% do sexo masculino. Os instrumentos utilizados foram a Escala de Autoeficácia para Dirigir (EADir), a Escala de Justificativas de Motoristas (EJM) e a Escala de Avaliação da Impulsividade (EsAvI-A). Os resultados indicaram diferenças significativas para todas as variáveis sociodemográficas e que os construtos predizem multas e acidentes de trânsito. Esses achados contribuem para a compreensão de alguns comportamentos dos condutores e reforçam os indícios de que infrações e acidentes de trânsito são multideterminados.

Palavras-chave : Autoeficácia; Trânsito; Avaliação psicológica.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons