SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.40 suppl.3Algumas características morfológicas segmentares da parede da aorta de galo doméstico (Gallus domesticus)Quantificação de células dos túbulos seminíferos e rendimento da espermatogênese em cutias (Dasyprocta aguti) criadas em cativeiros índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Veterinary Research and Animal Science

versão impressa ISSN 1413-9596versão On-line ISSN 1678-4456

Resumo

LEITE, Ricardo de Miranda Henriques et al. Prevalência de Brucelose bovina no Estado da Paraíba. Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci. [online]. 2003, vol.40, suppl.3, pp.170-174. ISSN 1678-4456.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-95962003000900002.

Foi realizado um estudo para a determinação da prevalência sorológica de brucelose bovina no Estado da Paraíba. Seis municípios foram selecionados aleatoriamente em cada uma das três ecorregiões do Estado: a região do Agreste/Litoral (1), a região do Cariri/Curimatau (2) e a região do Sertão (3). Estes 18 municípios foram divididos em quadrantes e uma propriedade foi selecionada em cada quadrante. Foram amostradas propriedades com mais de 50 animais, o que exclui as pequenas propriedades de subsistência. Pelo menos 32 animais foram amostrados de cada rebanho, estratificados nas quatro faixas etárias seguintes: (1) no mínimo 8 animais até 6 meses de idade, (2) no mínimo 8 animais com 7 a 18 meses de idade, (3) no mínimo 8 animais com 19 a 30 meses de idade e (4) no mínimo 8 animais com mais de 30 meses de idade. Anticorpos anti-B. abortus foram observados em 8 de 18 municípios (44,44%), em 8 de 72 rebanhos (11,11%) e em 8 animais dos 2343 amostrados (0,34%). A análise dos resultados de prevalência por ecorregião do Estado não revelou diferença significativa de risco entre elas. A análise dos resultados por categorias de faixa etária também não evidenciaram diferença significativa de risco entre as mesmas. Foi observado que a brucelose está amplamente disseminada no estado embora com uma baixa prevalência animal. Estes resultados podem ser úteis no delineamento de estratégias de controle da brucelose bovina no estado da Paraíba.

Palavras-chave : Brucelose; Epidemiologia; Bovinos; Paraíba; Brasil.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons