SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.18 número2Hospitalização no segundo ano de vida em crianças consideradas de risco ao nascimentoEquipe de enfermagem diante da dor do recém-nascido pré-termo índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Escola Anna Nery

versão impressa ISSN 1414-8145

Resumo

GOMES, Giovana Calcagno et al. A família durante a internação hospitalar da criança: contribuições para a enfermagem. Esc. Anna Nery [online]. 2014, vol.18, n.2, pp.234-240. ISSN 1414-8145.  https://doi.org/10.5935/1414-8145.20140034.

O objetivo deste estudo foi desvelar como o tempo é vivenciado pelo familiar cuidador no hospital na internação da criança.

Métodos:

Pesquisa descritiva, exploratória, com abordagem qualitativa realizada no segundo semestre de 2010. Desenvolveu-se na Unidade de Pediatria de um hospital do sul do Brasil, com 15 familiares cuidadores. A coleta de dados realizou-se por entrevistas semiestruturadas. A análise dos dados deu-se pela técnica de análise de conteúdo.

Resultados:

Verificou-se que, ao inserir-se no mundo do hospital com a criança, cada família atribui diferentes significados ao tempo vivido, podendo percebê-lo como bom ou mal tempo, de acordo com suas vivências neste período.

Conclusão:

Conhecer os bons e os maus tempos vividos pelas famílias no hospital pode levar a equipe de enfermagem a refletir acerca de suas ações perante elas, indicando estratégias a serem adotadas de forma a possibilitar que o tempo no hospital seja produtivo e melhor vivido.

Palavras-chave : Família; Criança hospitalizada; Tempo de internação; Enfermagem.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )