SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 número5Evolução do excesso de peso e fatores associados em mulheres de 10 a 49 anos em Pernambuco, Nordeste, BrasilConcentrações de hemoglobina e fatores associados em adolescentes de Recife índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista de Nutrição

versão impressa ISSN 1415-5273versão On-line ISSN 1678-9865

Resumo

VIEIRA, Tayse Valdira; CORSO, Arlete Catarina Tittoni  e  GONZALEZ-CHICA, David Alejandro. Ações educativas sobre alimentação orgânica desenvolvidas por nutricionistas em escolas municipais brasileiras. Rev. Nutr. [online]. 2014, vol.27, n.5, pp.525-535. ISSN 1678-9865.  https://doi.org/10.1590/1415-52732014000500002.

OBJETIVO:

O estudo descreve ações educativas de alimentação orgânica, realizadas nas escolas municipais brasileiras, e investiga sua associação com o tempo de serviço do nutricionista responsável técnico e com a carga horária semanal por ele exercida.

MÉTODOS:

Trata-se de estudo transversal do tipo censo que, em 2012, entrevistou, mediante questionário eletrônico, o nutricionista responsável técnico ou outro responsável pela alimentação escolar em todos os 5

.

565 municípios brasileiros. O software Stata 11.0 foi usado nas análises.

RESULTADOS:

Foram contatados todos os municípios brasileiros, dos quais 93,1% responderam (n=5

.

184). Muito embora 94,2% dos respondentes tenham afirmado possuir nutricionista responsável técnico, em apenas 37,9% dos municípios foram realizadas ações educativas de alimentação orgânica nas escolas, com predomínio de horta escolar (67,1%) e confecção de materiais educativos (50,7%). Não se observou associação entre a presença de nutricionista responsável técnico e a realização de ações educativas (p=0,372). Porém, a realização de ações educativas e a inserção do tema alimentação orgânica no Projeto Pedagógico do município foram, res-pectivamente, 22,0% e 20,0% maiores nos municípios em que o nutricionista responsável técnico trabalhava há pelo menos 12 meses, em relação àqueles em que esse profissional estava no cargo há menos tempo (p<0,05 em ambos). Observou-se também uma relação direta entre a carga horária semanal de trabalho do nutricionista responsável técnico e a realização de atividades de horta escolar (p=0,016).

CONCLUSÃO:

O percentual de municípios brasileiros em que são realizadas atividades educativas sobre alimentação orgânica nas escolas, é baixo estando esta atividade relacionada com o tempo de contratação e a carga horária de trabalho dos nutricionistas responsáveis técnicos.

Palavras-chave : Alimentação escolar; Alimentos orgânicos; Educação alimentar e nutricional; Nutricionista.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )