SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 número2OS PROGRAMAS DE LENIÊNCIA E COOPERAÇÃO NO BRASIL: UMA ANÁLISE EMPÍRICA PARA OS ANOS DE 1994 A 2014ALGORÍTIMOS E “BIG DATA”: CONSIDERAÇÕES SOBRE GOVERNANÇA ALGORÍTMICA E SUAS CONSEQUÊNCIAS PARA A ANÁLISE ANTITRUSTE índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista de Economia Contemporânea

versão impressa ISSN 1415-9848versão On-line ISSN 1980-5527

Resumo

CUIABANO, Simone Maciel. AVALIAÇÃO DE POLÍTICA DE CONCORRÊNCIA: ESTIMAÇÃO DE DANOS NO CARTEL DE POSTOS DE LONDRINA. Rev. econ. contemp. [online]. 2019, vol.23, n.2, e192327.  Epub 26-Ago-2019. ISSN 1980-5527.  https://doi.org/10.1590/198055272327.

Este trabalho estima os danos causados pelo cartel nos postos de gasolina na cidade de Londrina, Paraná, na região sul do Brasil, usando tanto uma equação, quanto um modelo estrutural de demanda e oferta. Documentos do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) ajudam a caracterizar os postos envolvidos na colusão nos mercados de etanol e gasolina. O objetivo é avaliar os efeitos da política de concorrência comparando o montante do dano estimado com as multas aplicadas. Além disso, esse trabalho contribui para a literatura sobre substituição de gasolina, uma vez que os dados apontam que o etanol é percebido como substituto perfeito e tem preço inelástico. Os resultados mostram que houve um sobre custo causado pelo cartel de ordem de 4,6% a 6,6% no mercado de gasolina e de até 12% no mercado de etanol. As multas aplicadas, contudo, devem considerar a probabilidade de o cartel ser descoberto e, dada sua baixa probabilidade, as multas aplicadas no presente caso parecem estar alinhadas com esse objetivo.

Palavras-chave : cartel; estimação estrutural; avaliação de política.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )