SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.37 issue9Determination of chemical composition and energy value of millet and their use in rations of broilers from 1 to 21 days of ageDiets of different energetic densities, keeping constant the metabolizable energy: nutrients ratio, for laying Japanese quails author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Zootecnia

Print version ISSN 1516-3598On-line version ISSN 1806-9290

Abstract

JUNQUEIRA, Otto Mack et al. Avaliação de níveis e fontes de proteína na alimentação de leitões na fase inicial de crescimento. R. Bras. Zootec. [online]. 2008, vol.37, n.9, pp.1622-1627. ISSN 1806-9290.  https://doi.org/10.1590/S1516-35982008000900014.

Um experimento foi conduzido para comparar diversos níveis e fontes protéicas utilizados em rações sobre o desempenho, a morfometria intestinal e a relação peso de pâncreas/peso de carcaça de leitões de 36 a 70 dias de idade. Foram utilizados 96 leitões desmamados distribuídos em delineamento de blocos ao acaso com seis tratamentos e quatro repetições de quatro animais. Avaliaram-se seis fontes protéicas (tratamentos): leite em pó desnatado (8,80 e 12,00%); isolado protéico de soja (3,20 e 4,50%); farinha de peixe (5,00%); e levedura seca (10,00%). As dietas, isoenergéticas e isoprotéicas, não afetaram o ganho de peso e a conversão alimentar dos animais, contudo, os animais que receberam a dieta contendo leite em pó desnatado apresentaram maior consumo no período de 56 a 63 dias de idade. Não houve efeito significativo das fontes protéicas sobre a altura de vilos, a profundidade de cripta e a relação peso do pâncreas/peso corporal. As fontes protéicas estudadas e os níveis utilizados nas dietas não influenciaram o desempenho, a morfologia intestinal e a relação peso de pâncreas/peso de carcaça em leitões de 36 a 70 dias de idade

Keywords : desempenho; farinha de peixe; isolado protéico de soja; leite em pó desnatado; levedura seca; morfologia intestinal.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License