SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.18 número3Distribuição e conservação das espécies de Aniba Aubl. (Lauraceae Jussieu) no Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Biota Neotropica

versão impressa ISSN 1806-129Xversão On-line ISSN 1676-0611

Resumo

BENEDITTO, Ana Paula Madeira Di; TAVARES, Maria Thereza Manhães  e  MONTEIRO, Leandro Rabello. Nicho isotópico dos bagres Bagre bagre e Genidens barbus em área costeira do sudeste do Brasil. Biota Neotrop. [online]. 2018, vol.18, n.3, e20180527.  Epub 10-Maio-2018. ISSN 1676-0611.  https://doi.org/10.1590/1676-0611-bn-2018-0527.

O nicho isotópico de Bagre bagre e Genidens barbus alvos de pescarias comerciais em uma área costeira marinha do norte do estado do Rio de Janeiro (~21ºS), sudeste do Brasil, foi comparado para avaliar a assimilação alimentar e a relação trófica. Os valores isotópicos médios dos bagres e de seus itens alimentares em δ13C-δ15N foram coerentes com suas respectivas posições tróficas. As contribuições relativas dos itens alimentares destacaram o camarão Xiphopenaeus kroyeri como o item mais assimilado na dieta de B. bagre, enquanto para G. barbus o modelo destacou o peixe Porichthys porosissimus. A ausência de sobreposição de nicho juntamente com a uniformidade trófica aponta para uma sobreposição alimentar reduzida entre B. bagre e G. barbus no norte do estado do Rio de Janeiro.

Palavras-chave : área tropical; Ariidae; assimilação alimentar; isótopos estáveis; nicho trófico.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )