SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 issue2In vivo evaluation of a new vena cava filterPersistent below-knee great saphenous vein reflux after above-knee endovenous laser ablation with 1470-nm laser: a prospective study author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Jornal Vascular Brasileiro

Print version ISSN 1677-5449On-line version ISSN 1677-7301

Abstract

GOES JUNIOR, Adenauer Marinho de Oliveira et al. Achados incidentais de aneurismas torácicos e abdominais. J. vasc. bras. [online]. 2016, vol.15, n.2, pp.106-112. ISSN 1677-7301.  https://doi.org/10.1590/1677-5449.007616.

Contexto

Os aneurismas de aorta abdominal (AAAs) são os mais comuns. A incidência anual de ruptura do AAA é de oito casos por 100.000 habitantes. A detecção incidental pode beneficiar o paciente, desde que o diâmetro seja monitorado e o paciente receba o tratamento adequado.

Objetivos

Estimar a prevalência do diagnóstico incidental de aneurisma de aorta torácica (AAT) e de AAA em tomografias computadorizadas (TCs); avaliar a prevalência de sexo e idade dos pacientes e determinar quais as artérias acometidas e as características morfológicas dos aneurismas; determinar quais as indicações de TC mais associadas ao diagnóstico incidental de aneurismas.

Métodos

Estudo descritivo, retrospectivo e randomizado. Critérios de inclusão: pacientes com 50 anos ou mais submetidos a TC de tórax, abdome ou pelve. Critérios de exclusão: acompanhamento ou suspeita diagnóstica de aneurismas. Foram utilizados protocolos com questões sobre dados demográficos e anatômicos.

Resultados

Foram analisados 1.202 laudos radiológicos. Detectados 27 aneurismas (prevalência de 2,2%). Pacientes: 60% do sexo masculino e 40% do sexo feminino (p < 0,05). Localização: 13 casos (48,2%) na aorta ascendente (AAT); 7 (25,9%) na aorta infrarrenal (AAA); 2 (7,4%) aorta na transição toracoabdominal (ATA); 2 (7,4%) na ilíaca comum; 1 (3,7%) na ilíaca interna; 1 (3,7%) na artéria esplênica; e 1 (3,7%) na artéria renal.

Conclusões

A maioria dos pacientes foi do sexo masculino (60%); houve maior frequência de AAT (diâmetro médio de 4,1 cm), seguido de AAA (diâmetro médio de 4,0 cm) e ATA (diâmetro médio de 3,9 cm). A principal indicação para a realização de TC associada ao diagnóstico incidental de aneurismas foi em função de sintomas respiratórios.

Keywords : aneurisma; dilatação patológica; ectasia; achados incidentais.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )