SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue1Bronchial hygiene techniques in patients on mechanical ventilation: what are used and why?Evaluation of radiofrequency electronic system in intraoperative monitoring of surgical textiles author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Einstein (São Paulo)

Print version ISSN 1679-4508On-line version ISSN 2317-6385

Abstract

FIGUEREDO, Delcina Jesus  and  JACOB-FILHO, Wilson. Comparação entre avaliações subjetivas e avaliação objetiva do desempenho de autocuidados em idosos internados. Einstein (São Paulo) [online]. 2018, vol.16, n.1, eAO3987.  Epub May 07, 2018. ISSN 2317-6385.  https://doi.org/10.1590/s1679-45082018ao3987.

Objetivo

Identificar o nível de funcionalidade no desempenho dos autocuidados em idosos internados, por meio de avaliações subjetivas e objetivas.

Métodos

Cinquenta e cinco pares de idosos e respectivos cuidadores, de ambos os sexos, submeteram-se a: avaliação subjetiva dos idosos, avaliação subjetiva dos cuidadores e avaliação objetiva do idoso. Foi aplicada a Escala Ecológica de Desempenho de Atividades de Vida Diária, bem como itens das Atividades Instrumentais de Vida Diária. O nível de funcionalidade foi classificado em 1 para “não faz a tarefa”, 2 para “faz com ajuda” e 3 para “faz sem ajuda”. Calculamos o índice de concordância entre as avaliações subjetiva dos idosos, subjetiva dos cuidadores e objetiva do idoso dividindo o número de respostas idênticas pelo total.

Resultados

A maioria dos participantes era do sexo feminino entre os idosos (58,2%) e os cuidadores (83,6%). A média de idade dos idosos foi 80 anos e, dos cuidadores, 58,7 anos. A escolaridade baixa (1 a 4 anos) predominou entre os idosos (65,4%) e a alta (Ensino Superior), entre os cuidadores (32,7%). O nível de funcionalidade (FN=1, 2 e 3), oscilou entre as tarefas avaliadas e o índice de concordância variou de 58 a 98,1%, principalmente nas comparações com a avaliação objetiva.

Conclusão

As informações relatadas por idosos e cuidadores devem ser comparadas às obtidas objetivamente, para melhor identificar a real funcionalidade dos idosos.

Keywords : Idoso; Autocuidado; Eficiência; Cuidadores.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )