SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue4Morning salivary cortisol with regard to gender in individuals with perceived facial painSelf-mutilation: pain intensity, triggering and rewarding factors author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Dor

Print version ISSN 1806-0013On-line version ISSN 2317-6393

Abstract

SILVA, José Felipe Costa da  and  SOUZA, Marcelo Cardoso de. Avaliação da dor em trabalhadores da indústria têxtil. Rev. dor [online]. 2016, vol.17, n.4, pp.254-256. ISSN 2317-6393.  https://doi.org/10.5935/1806-0013.20160083.

JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS:

O grande problema na saúde do trabalhador nos dias atuais é o conjunto de afecções que afetam o sistema musculoesquelético. O objetivo deste estudo foi avaliar a dor, sua intensidade e região anatômica mais acometida de um grupo de trabalhadores da indústria têxtil.

MÉTODOS:

A pesquisa é caracterizada como um estudo transversal com abordagem qualitativa e quantitativa. Foi utilizada uma ficha de avaliação fisioterapêutica, e a escala analógica visual para avaliar a dor. Um total de 26 trabalhadores foi avaliado.

RESULTADOS:

De acordo com a avaliação, pode-se inferir que 88% (n=23) dos indivíduos sofriam de alguma queixa de dor. A intensidade da dor variou entre 2 e 8 com média de 4,8±2,4. A região que obteve maior intensidade na dor foi a dos ombros (EAV=6,6), seguido pela região lombar e cervical (EAV=6), a região de menor intensidade de dor foi o punho (EAV=5).

CONCLUSÃO:

O presente estudo mostrou que grande parcela dos trabalhadores apresentaram dores ocupacionais. A região com maior incidência de queixas foi à coluna lombar e a maior intensidade de dor referida foi à região dos ombros.

Keywords : Dor; Indústria; Prevalência; Saúde do trabalhador; Trabalho.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )