SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue4McKenzie method for low back pain author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Dor

Print version ISSN 1806-0013On-line version ISSN 2317-6393

Abstract

PINTO, Isabel et al. Hiperplasia da cabeça mandibular: diagnóstico e tratamento. Relato de caso. Rev. dor [online]. 2016, vol.17, n.4, pp.307-311. ISSN 2317-6393.  http://dx.doi.org/10.5935/1806-0013.20160095.

JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS:

A hiperplasia da cabeça mandibular é uma doença na qual há um crescimento excessivo da cabeça, ramo e corpo mandibulares que causa assimetria facial. A sua abordagem terapêutica não apresenta um consenso e, dada a sua complexidade, constitui um desafio para o cirurgião maxilofacial e para o ortodontista. O objetivo deste estudo foi discutir os aspectos clínicos, diagnósticos e terapêuticos envolvidos na abordagem dessa doença, clarificando o papel da condilectomia.

RELATO DO CASO:

Paciente do gênero feminino, 19 anos, caucasiana, procurou atendimento de um Cirurgião Maxilofacial devido a assimetria facial e dor na articulação temporomandibular direita. Não possuía antecedentes médicos ou gestacionais ou familiares de deformidade facial, nem história de trauma ou infecção articular prévios. Apresenta-se um caso clínico de alongamento hemimandibular tratado com condilectomia.

CONCLUSÃO:

A condilectomia é um procedimento seguro e eficaz, sem sequelas articulares funcionais, que evita a progressão da deformidade dentofacial, minimizando o seu impacto psicossocial e facilitando o tratamento posterior.

Keywords : Assimetria facial; Cabeça mandibular; Distúrbios da articulação temporomandibular; Hiperplasia.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )