SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.6 número2Influências culturais na adoção da gestão de projetos: um estudo qualitativo em empresas de consultoria e desenvolvimento em TIAlinhamento estratégico de tecnologia da informação: análise de modelos e propostas para pesquisas futuras índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


JISTEM - Journal of Information Systems and Technology Management

versão On-line ISSN 1807-1775

Resumo

SILVA, Marco Aurélio da; DUARTE, Roberto Gonzalez; CASTRO, José Márcio de  e  ARAUJO, Aristides Rocha. Outsourcing de TI e redefinição do papel da subsidiária: um estudo comparativo entre as subsidiárias brasileira e indiana de uma multinacional americana. JISTEM J.Inf.Syst. Technol. Manag. (Online) [online]. 2009, vol.6, n.2, pp.173-202. ISSN 1807-1775.  https://doi.org/10.4301/S1807-17752009000200003.

A exportacão de outsourcing de TI, também conhecida como offshoring, tem se tornado um dos principais fenômenos na indústria de TI. Responsabilidades têm sido transferidas para fornecedores de TI em todo o mundo. Um aspecto chave desse fenômeno é a crescente importância que economias emergentes, tais como, Brasil e Índia, vêm assumindo como provedores de offshoring de TI. Uma corrente da literatura sobre negócios internacionais tem analisado quais os fatores que podem afetar a evolução de uma subsidiária dentro de uma multinacional. Este trabalho tem como objetivo analisar como a exportação de serviços terceirizados de TI pode redefinir o papel de uma subsidiária dentro de uma corporação e, então, alterar a sua relevância estratégica. Uma investigação empírica compara o desenvolvimento das atividades de offshoring de duas subsidiárias - brasileira e indiana - de uma multinacional americana de TI e, mais especificamente, como tais atividades têm contribuído para redefinir o papel e a relevância estratégica de cada uma delas. Em particular, a investigação empírica analisou a forma como três perspectivas (escolhas da subsidiária, determinações da matriz e determinismo ambiental) interagem determinando a evolução e o papel das subsidiárias. Os resultados demonstraram que a trajetória da subsidiária indiana foi essencialmente determinada pelo desenvolvimento dos seus recursos, a inovação, o apoio governamental e empresarial. A trajetória da subsidiária brasileira, por sua vez, foi principalmente influenciada pelas determinações da matriz e desempenho da subsidiária. Argumenta-se, por fim, que a capacidade de gestão e liderança da subsidiária são elementos críticos para compreender a evolução da trajetória de uma subsidiária multinacional.

Palavras-chave : outsourcing; offshoring; TI; relevância estratégica; subsidiárias de multinacionais.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons