SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.60 issue3Effect of antiretroviral drugs on maternal CD4 lymphocyte counts, HIV-1 RNA levels, and anthropometric parameters of their neonatesThe level of nicotine dependence is an independent risk factor for cancer: a case control study author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Clinics

Print version ISSN 1807-5932On-line version ISSN 1980-5322

Abstract

CUNHA, Marcelo Sacramento; SILVA, Jose Carlos Faes da; NAKAMOTO, Hugo Alberto  and  FERREIRA, Marcus Castro. Estudo da isquemia quente e reperfusão em membro inferior de ratos: efeito do allopurinol e estreptokinase. Clinics [online]. 2005, vol.60, n.3, pp.213-220. ISSN 1980-5322.  http://dx.doi.org/10.1590/S1807-59322005000300006.

A isquemia prolongada dos tecidos leva a alterações na microcirculação e liberação de radicais livres do oxigênio, evento que pode resultar na morte do tecido, conhecido como fenômeno de não reperfusão. Um modelo em ratos de isquemia quente e reperfusão do membro posterior é proposto, e os efeitos dos fármacos alopurinol e estreptoquinase foram estudados. MÉTODO: Secção do membro posterior com preservação dos vasos e nervos foi realizada em 110 ratos. O pinçamento vascular e posterior reperfusão após isquemia quente de 0, 2, 4, 6 e 8 horas formou os grupos M0, M2, M4, M6 e M8 respectivamente. Outros grupos E1, E2 e E3 receberam, respectivamente, alopurinol, estreptoquinase e a combinação de ambas as drogas, após seis horas de isquemia. RESULTADOS: As taxas de viabilidade dos membros isquêmicos, observadas após sete dias foram: M0 - 100%, M2 - 80% ,M4 - 64%,M6 - 50% e M8 - 20%. As taxas de viabilidade dos grupos experimentais foram 67%(E1), 70%(E2) e 70%(E3). Os grupos M0, M2, M4, M6 e M8 foram diferentes entre si exceto os grupos M4 e M6. E1, E2 e E3 resultaram em viabilidade de membros maiores que M6(controle), mas não em relação ao M2 e M4. DISCUSSÃO: Os resultados sugerem um aumento da viabilidade de membros após 6 horas de isquemia quando utilizado os fármacos alopurinol ou estreptoquinase. A associação de estreptoquinase e alopurinol não mostrou efeito adicional.

Keywords : Isquemia quente; Fenômeno de não reperfusão; Radicais livres; Membro de rato.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License