SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número4Atributos morfológicos e componentes de produção de batata, cv. Baronesa e seu genótipo transformadoExtração de nutrientes e produtividade de genótipos de milho afetados por níveis de palha índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Acta Scientiarum. Agronomy

versão On-line ISSN 1807-8621

Resumo

SALES, Juliana de Fátima et al. Germinação de sementes de hortelã-do-campo (Hyptis marrubioides EPL.) em função da época de colheita, da luz, temperatura e armazenamento. Acta Sci., Agron. (Online) [online]. 2011, vol.33, n.4, pp.709-713. ISSN 1807-8621.  http://dx.doi.org/10.4025/actasciagron.v33i4.4611.

O presente trabalho teve como objetivos avaliar a influência da luz, da temperatura, do estádio fisiológico na colheita e do armazenamento na germinação das sementes de Hyptis marrubioides. Foram realizados dois experimentos, sendo o primeiro implantado logo após a colheita das sementes, constituído por um fatorial 2 x 3 x 3, com 2 ambientes (luz e escuro) x 3 temperaturas (20, 30 e 20/30ºC) x 3 épocas de colheita das sementes (sementes com coloração verde, coloração marrom claro e coloração marrom escuro). O segundo experimento, em presença de luz e à temperatura de 30ºC, foi constituído por um esquema fatorial 4x3, sendo 4 tempos de armazenamento (0, 6, 12 e 18 meses) e 3 três estádios fisiológicos de coleta mencionados no experimento anterior. Ambos os experimentos foram implantados no delineamento em blocos ao acaso, com quatro repetições de 100 sementes. Foi verificado que o fator luz não influenciou a germinação. Por outro lado, a temperatura de 20ºC retardou a germinação, apesar de não influenciar a sua porcentagem. O armazenamento e os diferentes estádios fisiológicos de colheita das sementes influenciaram o IVG e a porcentagem de germinação. Sementes coletadas no estádio mais maduro (coloração marron escuro) demonstraram ser apropriadas para o armazenamento por até 18 meses.

Palavras-chave : planta medicinal; viabilidade; Lamiaceae.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons