SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 issue3POSTURAL PROFILE OF CLASSICAL BALLERINAS FROM THE VALE DO SÃO FRANCISCO REGION OF BRAZILDYNAMIC MAGNETIC RESONANCE IMAGING: PRELIMINARY PRESENTATION OF A TECHNIQUE author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Coluna/Columna

Print version ISSN 1808-1851On-line version ISSN 2177-014X

Abstract

ZELADA, FLÁVIO GERARDO BENITES et al. ANÁLISE MORFOMÉTRICA POR TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA DAS VÉRTEBRAS C7 E T1. Coluna/Columna [online]. 2016, vol.15, n.3, pp.205-208. ISSN 2177-014X.  https://doi.org/10.1590/S1808-185120161503146815.

Objetivo:

O estudo anatômico das vértebras da transição cervicotorácica C7 e T1 teve como objetivo avaliar quantitativamente, por tomografia computadorizada axial (TC), as dimensões anatômicas lineares e angulares de lâminas das vértebras da transição cervicotorácica C7 e T1 em indivíduos adultos maiores de 18 anos.

Métodos:

Foram analisadas retrospectivamente 49 TC da coluna cervical e torácica (C7 e T1) de indivíduos maiores de 18 anos, de ambos os sexos. Avaliaram-se o comprimento e a espessura das lâminas, bem como o ângulo espinolaminar, em cortes axiais de C7 e T1, no ponto de menor espessura entre as camadas corticais internas. As variáveis estudadas foram correlacionadas com os grupos etários e o sexo dos indivíduos. A análise estatística foi feita pelo teste t e os resultados foram considerados significativos quando p < 0,05.

Resultados:

Após análise de medidas tomográficas de 49 pacientes, foi verificado que os homens apresentaram espessura de lâmina maior que as mulheres tanto em C7, quanto em T1, sendo que 71% das lâminas de C7 e 92% das lâminas de T1 apresentavam espessura maior que 5 mm e 97% das lâminas de C7 e 100% de T1, espessura maior que 4 mm. O ângulo espinolaminar apresentou média de 56,40 graus em C7 e 57,31 graus em T1.

Conclusão:

O estudo traz informações anatômicas importantes sobre a região da transição cervicotorácica C7 e T1 na população brasileira, mostrando ser possível anatomicamente, fixação de C7 e T1 com parafuso intralaminar.

Keywords : Tomografia computadorizada por raios x; Coluna vertebral; Vértebras cervicais; Vértebras torácicas.

        · abstract in English | Spanish     · text in English     · English ( pdf )