SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 issue6Double incontinence: associated factors and impact on the quality of life of women attended at a health referral serviceBlood pressure pattern following a combined exercise session in hypertensive older women author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia

Print version ISSN 1809-9823On-line version ISSN 1981-2256

Abstract

ALEXANDRINO, Arthur et al. Avaliação do índice de vulnerabilidade clínico-funcional em idosos. Rev. bras. geriatr. gerontol. [online]. 2019, vol.22, n.6, e190222.  Epub May 15, 2020. ISSN 1981-2256.  https://doi.org/10.1590/1981-22562019022.190222.

Objetivo:

Avaliar o índice de vulnerabilidade clínico-funcional (IVCF) em idosos e sua relação com indicadores socioeconômicos, comportamentais e clínico-terapêuticos.

Método:

Estudo epidemiológico transversal de desenho quantitativo com 318 idosos vinculados à Estratégia Saúde da Família e aleatoriamente sorteados. Os dados foram coletados por meio do questionário IVCF-20 e a análise subsidiada pela estatística descritiva, bivariada e multivariada, considerando significância quando o p-valor <0,05.

Resultados:

A maior parte dos idosos (59,1%) é considerada frágil ou potencialmente frágil. Entre os grupos estudados, houve diferença estatisticamente significativa do IVCF com relação às variáveis faixa etária (p<0,001), alfabetização funcional (p=0,001), consumo de álcool (p<0,001), prática de exercícios físicos (p<0,001), problemas de saúde autorreferidos (p<0,001) e uso de medicamentos (p<0,001), além de correlação positiva com o estresse (r=0,135; p=0,016). No modelo de regressão linear múltipla, o conjunto de variáveis preditoras sociodemográficas explicam a fragilidade de idosos em 30,4% (R2=0,304).

Conclusões:

O avançar da idade, enquanto variável não controlável, aponta a necessidade de estimular a manutenção da funcionalidade na velhice a partir da proposição de estratégias de atenção à saúde de modo a prolongar a longevidade com segurança, autonomia e vitalidade.

Keywords : Envelhecimento; Saúde do Idoso; Fragilidade; Avaliação Geriátrica; Educação em Saúde; Vulnerabilidade em Saúde.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )