SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.5 issue2Elderly patients with Alzheimer's disease and their family relationships: Caregiver perspectivesMemory span measured by the spatial span tests of the Cambridge Neuropsychological Test Automated Battery in a group of Brazilian children and adolescents author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Dementia & Neuropsychologia

Print version ISSN 1980-5764

Abstract

RIBEIRO, Paula Vieira et al. Pessoas surdas desde o nascimento que trabalham com computadores apresentam alto nível de atenção. Dement. neuropsychol. [online]. 2011, vol.5, n.2, pp.123-128. ISSN 1980-5764.  http://dx.doi.org/10.1590/S1980-57642011DN05020011.

Há trabalhos na literatura sinalizando que surdos parecem desenvolver maior nível de atenção e concentração durante a sucessão da construção das diversas formas de comunicação.

Objetivo:

Avaliar o nível de atenção em pessoas surdas desde o nascimento que trabalham com os computadores.

Métodos:

Foram avaliadas 161 pessoas, na faixa etária, entre 18 e 25 anos, sendo 40 pessoas surdas desde o nascimento que trabalham com computadores, 42 pessoas surdas que não trabalham, não sabem e nem utilizam computadores (Controle 1), 39 pessoas ouvintes que não trabalham, não sabem e nem utilizam computadores (Controle 2) e 40 pessoas ouvintes que trabalham com computadores (Controle 3).

Resultados:

As pessoas surdas desde o nascimento que trabalham com computadores PSNC apresentaram maior nível de foco de atenção, de manutenção do foco, capacidade de manipulação mental e resistência à interferência, quando comparadas aos controles.

Conclusão:

O estudo mostra a relevância dos sistemas sensoriais para o processamento cognitivo.

Keywords : surdos; atenção; computadores..

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )