SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 número3DIVERSIFICAÇÃO DE ESTRATÉGIAS DE ENSINO DE CIÊNCIAS NA RECONSTRUÇÃO DIALÓGICA DA AÇÃO/REFLEXÃO DOCENTEA ABORDAGEM DO PLURALISMO DE PROCESSOS E DA EVO-DEVO EM LIVROS DIDÁTICOS DE BIOLOGIA EVOLUTIVA E ZOOLOGIA DE VERTEBRADOS índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ensaio Pesquisa em Educação em Ciências (Belo Horizonte)

versão impressa ISSN 1415-2150versão On-line ISSN 1983-2117

Resumo

LORENZETTI, Leonir; MUENCHEN, Cristiane  e  SLONGO, Iône Inês Pinsson. A RECEPÇÃO DA EPISTEMOLOGIA DE FLECK PELA PESQUISA EM EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS NO. Ens. Pesqui. Educ. Ciênc. (Belo Horizonte) [online]. 2013, vol.15, n.3, pp.181-197. ISSN 1983-2117.  https://doi.org/10.1590/1983-21172011150311.

Este artigo apresenta um estudo que investigou a recepção da epistemologia de Ludwik Fleck pela pesquisa em Educação em Ciências. Foram analisadas teses e dissertações produzidas no período de 1995 a 2010, em programas nacionais de pós-graduação. Os dados apontam que na década de 1990 surgiram os primeiros estudos e que há uma concentração de trabalhos em instituições do Sul do Brasil, notadamente na UFSC, especialmente na área da Educação em Ciências, estando o maior volume de estudos concentrados nos eixos "emergência de um fato científico", "formação de professores" e "análise da produção acadêmica". Destaca-se a significativa contribuição das categorias epistemológicas "estilo de pensamento", "coletivo de pensamento" e "circulação intra e intercoletiva de ideias" no processo de produção do conhecimento.

Palavras-chave : Ludwik Fleck; Produção Acadêmica; Educação em Ciências..

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )