SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.48 issue4Growth and quality of Garcinia humilis seedlings as a function of substrate and shading levelEffect of ecological and conventional managements on soil enzymatic activities in coffee agroecosystems author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Pesquisa Agropecuária Tropical

Print version ISSN 1517-6398On-line version ISSN 1983-4063

Abstract

BALATE, Carlos Agostinho; SOUZA, Douglas Correa de; RESENDE, Luciane Vilela  and  FREITAS, Sergio Tonetto de. Influência do ácido abscísico no conteúdo de cálcio para o controle da podridão apical em tomate sob estresse hídrico. Pesqui. Agropecu. Trop. [online]. 2018, vol.48, n.4, pp.414-419. ISSN 1983-4063.  http://dx.doi.org/10.1590/1983-40632018v4852048.

O estresse hídrico no tomate pode causar o aparecimento de podridão apical. Objetivou-se analisar o efeito da aplicação foliar de ácido abscísico no aumento da absorção de cálcio em tomate (cultivar ‘Santa Clara') sob irrigação no campo, como um possível mecanismo de inibição da podridão apical. Os tratamentos consistiram de quatro níveis de rega (25 %, 50 %, 75 % e 100 % das necessidades de água para suprir a evapotranspiração da cultura) e duas doses de ácido abscísico (0 mg L-1 e 500 mg L-1). Os frutos foram colhidos aos 15 e 30 dias após a antese e avaliados para a concentração de cálcio e porcentagem de podridão apical. A aplicação de ácido abscísico aumentou a partição de cálcio para a região distal dos frutos aos 30 dias após o início da floração, bem como reduziu a incidência de podridão apical em 86 %, quando comparada a plantas sem a aplicação de ácido abscísico. Conclui-se que a aplicação foliar de ácido abscísico pode reduzir significativamente a incidência de podridão apical.

Keywords : Solanum lycopersicum; fito-hormônios; mecanismo de defesa vegetal.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )