SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.70Lycopodiaceae in Brazil. Conspectus of the family III. The genera Huperzia and PhlegmariurusSpatial patterns of ferns in Evergreen Seasonal Forest in Amazonia-Cerrado transition author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Rodriguésia

Print version ISSN 0370-6583On-line version ISSN 2175-7860

Abstract

PRADO, Amanda C.C.; RANGEL, Eliane B.; SOUSA, Hildeberto C. de  and  MESSIAS, Maria Cristina T.B.. Etnobotânica como subsídio à gestão socioambiental de uma unidade de conservação de uso sustentável. Rodriguésia [online]. 2019, vol.70, e02032017.  Epub Apr 25, 2019. ISSN 2175-7860.  https://doi.org/10.1590/2175-7860201970019.

A etnobotânica é útil para compreender a relação dos povos e plantas, facilitando a proposição e implementação de estratégias de melhoria da qualidade de vida e de conservação ambiental. Portanto, investigou-se o conhecimento etnobotânico na área de proteção ambiental (APA) Cachoeira das Andorinhas em Ouro Preto-MG. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas e turnês-guiadas para o levantamento das plantas utilizadas e do contexto socioambiental dos usuários. As espécies foram categorizadas pelo uso. A riqueza de espécies conhecidas entre os diferentes grupos de usuários e entre categorias utilitárias foi comparada pelo teste G. Registrou-se 232 espécies para 10 tipos de uso, sendo a maioria medicinais e alimentares. Mulheres conhecem mais plantas medicinais e homens, madeireiras. Cerca de 50% das espécies utilizadas são exóticas, sobressaindo-se as frutas utilizadas no preparo de doces, atividade tradicional do distrito. As áreas antropizadas são as mais exploradas para obtenção dos recursos, seguida pelas florestas. A tradição secular, o rico conhecimento e a dependência da comunidade no uso das plantas sugerem a sustentabilidade do uso. Propõe-se ações para garantir a consolidação dos objetivos dessa unidade de conservação.

Keywords : áreas protegidas; comunidades tradicionais; conhecimento tradicional; conservação da biodiversidade; gestão de unidades de conservação.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )