SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.99 número253Formação docente e questão mediadora: uma proposta em discussãoA educação ambiental na educação infantil segundo os saberes de Morin índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos

versão impressa ISSN 0034-7183versão On-line ISSN 2176-6681

Resumo

WERLE, Kelly  e  BELLOCHIO, Cláudia Ribeiro. A construção social da infância e a Maricota sem dona: Fragmentos narrativos na pesquisa em educação. Rev. Bras. Estud. Pedagog. [online]. 2018, vol.99, n.253, pp.555-572. ISSN 2176-6681.  https://doi.org/10.24109/2176-6681.rbep.99i252.3513.

Apresenta uma discussão sobre a construção social da infância com base na interlocução entre elementos teóricos da sociologia da infância, uma obra literária infantil, Maricota sem dona (Mazzetti, 1985), e alguns fragmentos de Walter Benjamin (1987, 1994a, 1994b, 1994c, 2005). Metodologicamente, para a construção da materialidade da pesquisa, problematiza-se a experiência do Narrador (Benjamin, 1994c) e o olhar para a diversidade de infâncias vivenciadas em diferentes contextos sociais, culturais, étnicos, econômicos e políticos, com o objetivo de proporcionar a visibilidade e a valorização das culturas da infância. Como contribuições da pesquisa, reconhecem-se as crianças como sujeitos sociais ativos, históricos, de direitos, produtores de culturas, por meio da relação com os seus pares. Com o artigo, evidencia-se a centralidade da produção da cultura de pares na infância, que consiste em obter integração, inserção e reconhecimento social, de modo a conquistar autonomia.

Palavras-chave : culturas da infância; experiência; narrativas.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )