SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.38 issue2Semantic validation of the ISPCAN Child Abuse Screening Tools (ICAST) in Brazilian Portuguese author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Trends in Psychiatry and Psychotherapy

Print version ISSN 2237-6089On-line version ISSN 2238-0019

Abstract

DOELLINGER, Orlando von et al. Convulsões espontâneas após ECT em doente medicada com bupropiona, sertralina e risperidona. Trends Psychiatry Psychother. [online]. 2016, vol.38, n.2, pp.111-113.  Epub June 27, 2016. ISSN 2238-0019.  http://dx.doi.org/10.1590/2237-6089-2015-0055.

Objetivo:

Descrever o caso de uma paciente medicada com sertralina, bupropiona e risperidona que apresentou três crises tônico-clônico generalizadas espontâneas após eletroconvulsoterapia (ECT).

Descrição do caso:

Uma mulher de 53 anos com antecedentes de perturbação depressiva maior recorrente foi internada em nosso serviço devido a novo episódio depressivo maior com sintomas psicóticos e 6 semanas de evolução. Ela já estava medicada com 200 mg/dia de sertralina e 2 mg/dia de risperidona. Após 8 semanas usando 200 mg/dia de sertralina, 4 mg/dia de risperidona e bupropiona de liberação lenta (titulada até 300 mg/dia), sem melhoras objetivas, decidiu-se iniciar 8-10 sessões de ECT. Dois dias após a primeira sessão, ocorreram três crises tônico-clônico generalizadas num espaço de 6 horas. Foram introduzidos fenitoína e valproato de sódio no esquema terapêutico da paciente, e não ocorreram mais crises. Após avaliação neurológica e discussão do caso, optou-se por suspender a fenitoína e a bupropiona (2 dias após as crises espontâneas) e retomar a ECT. No restante do tratamento não ocorreram mais crises convulsivas espontâneas e, até data da alta, a paciente apresentava melhorias significativas e estava livre de transtorno depressivo maior.

Comentários:

Este relato ilustra a ocorrência de crises convulsivas espontâneas após a ECT, as quais parecem ter sido causadas por mecanismos farmacológicos etiológicos específicos, a saber, as propriedades pró-convulsivantes da bupropiona, mesmo com o uso de sertralina e risperidona, que baixam o limiar convulsivante.

Keywords : Eletroconvulsoterapia; crises espontâneas; perturbação depressiva major; bupropiona; sertralina; risperidona.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )