SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número38O sujeito reconstruído: sobre algumas imagens mallarmaicas na obra de Alejandra PizarnikAspectos do grotesco na poesia de João Cabral de Melo Neto índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea

versão impressa ISSN 1518-0158versão On-line ISSN 2316-4018

Resumo

MOTTA, Luiz Gonzaga. A narrativa mediada e a permanência da tradição: percurso de um anti-herói brasileiro. Estud. Lit. Bras. Contemp. [online]. 2011, n.38, pp.185-212. ISSN 2316-4018.  http://dx.doi.org/10.1590/2316-40183813.

O artigo relata um exercício de análise da narrativa da musica “Faroeste caboclo”, composição de Renato Russo. O exercício aplica livremente os procedimentos propostos pelo narratólogo russo Vladimir Propp em um produto típico da indústria cultural para compreender a narrativa de um anti-herói brasileiro contemporâneo. O primeiro objetivo é observar se a proposta de Propp ainda é válida como processo básico de interpretação semântica de um produto da indústria cultural (de natureza comercial, diferente dos contos infantis nos quais o autor russo se baseou). Um segundo objetivo, mais denso, verifica se essa narrativa mediada guarda alguma identidade com o ciclo universal do herói e a natureza simbólica das narrativas tradicionais. Conclui que as narrativas mediadas não são menos autênticas: estão apenas ancoradas em novos suportes de comunicação. Permanecem como autênticos modelos dramáticos de experiência e de representação da vida.

Palavras-chave : análise da narrativa; funções narrativas; sequência narrativa; anti-herói; interpretação semântica.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )