SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.41 issue1Environmental stress, future climate, and germination of Myracrodruon urundeuva seeds 1Evaluation cottonseed vigor through computer image analysis of the seedlings1 author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Journal of Seed Science

Print version ISSN 2317-1537On-line version ISSN 2317-1545

Abstract

BONJOVANI, Marcio Roberto  and  BARBEDO, Claudio José. Respiração e deterioração de embriões de Inga vera ssp. affinis armazenados em diferentes temperaturas. J. Seed Sci. [online]. 2019, vol.41, n.1, pp.44-53. ISSN 2317-1545.  https://doi.org/10.1590/2317-1545v41n1193955.

Embriões de Inga vera ssp. affinis em diferentes estágios de maturação e com diferentes conteúdos de água tiveram sua produção de CO2 e consumo de O2 analisados e comparados com os de sementes de Phaseolus vulgaris L. Os resultados mostraram que quanto menor a temperatura, menor as taxas respiratórias e mais intensos os demais processos oxidativos dos embriões de I. vera. Por outro lado, o mesmo não aconteceu nas sementes de P. vulgaris. Reações oxidativas, incluindo a respiração, reduziram a capacidade germinativa e comprometeram a preservação de embriões e sementes. As reações oxidativas dependeram do estágio de maturidade do embrião, do seu nível de umidade e da temperatura ambiente. Curiosamente, as respostas obtidas para perda de viabilidade e mudanças nas taxas de consumo de O2 dos embriões de I. vera não corresponderam ao esperado para os tecidos vegetais, como verificado em sementes de P. vulgaris com teor de água semelhante.

Keywords : processos oxidativos; sementes recalcitrantes; conservação de sementes.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )