SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.2 número4Acupuntura no tratamento da disfunção temporomandibular muscularMétodos de diagnóstico e tratamento da síndrome da dor regional complexa: uma revisão integrativa da literatura índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


BrJP

versão impressa ISSN 2595-0118versão On-line ISSN 2595-3192

Resumo

ARTIOLI, Dérrick Patrick; TAVARES, Alana Ludemila de Freitas  e  BERTOLINI, Gladson Ricardo Flor. Auriculoterapia: neurofisiologia, pontos de escolha, indicações e resultados em condições dolorosas musculoesqueléticas: revisão sistemática de revisões. BrJP [online]. 2019, vol.2, n.4, pp.356-361.  Epub 02-Dez-2019. ISSN 2595-3192.  https://doi.org/10.5935/2595-0118.20190065.

JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS:

A auriculoterapia é amplamente utilizada para o alívio de condições dolorosas, portanto, com número considerável de estudos, permitindo a realização de revisões sistemáticas no assunto. No entanto, não propuseram um banco unificado de pontos de possível escolha, suas possíveis combinações ou descreveram a localização de tais pontos, tornando-se então, o objetivo deste estudo.

CONTEÚDO:

Optou-se por uma revisão sistemática de revisões (Overview). A qualidade de tal material foi realizada por intermédio da ferramenta Assessment of Multiple Systematic Reviews e as bases de dados consultadas foram: PEDro, Pubmed, Scielo e LILACS. As palavras-chaves e índice booleano aplicados como a seguir: Auriculotherapy AND pain; ear acupuncture AND pain, ear acupressure AND pain; auricular therapy AND pain; auricular medicine AND pain. Foram encontrados primariamente 242 estudos, mas apenas seis eram revisões sistemáticas em humanos, envolvendo dor e apenas auriculoterapia (sem associação a outra técnica). A qualidade metodológica dos estudos foi alta (8-10/11 - Assessment of Multiple Systematic Reviews). Há variabilidade na explicação neurofisiológica de ação, muitas possibilidades de afecções que podem ser abordadas com auriculoterapia (dores agudas, crônicas, por traumas, pré e pós-operatórias entre outras). A auriculoterapia apresentou-se como promissora na remissão da dor, meio adjunto ao tratamento convencional, baixo risco, custo e de fácil administração.

CONCLUSÃO:

A auriculoterapia apresenta diversas formas de justificar seus efeitos neurofisiológicos e os pontos mais utilizados foram ShenMen, a região somatotópica correspondente e a região da concha cava (estimulação vagal). Atende uma imensa possibilidade de condições dolorosas musculoesqueléticas, com resultados favoráveis e promissores.

Palavras-chave : Auriculoterapia; Dor; Fisioterapia; Medicina Tradicional Chinesa; Modalidades da fisioterapia; Reabilitação.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )