SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.12 issue1Reprodutibilidade e estabilidade de antígenos preparados de culturas de Trypanosoma cruzi para reações de fixação do complementoEstudo piloto sobre esquistossomose mansoni em área rural do Município de Itanhomi, Vale do Rio Doce, Minas Gerais author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

Print version ISSN 0037-8682

Rev. Soc. Bras. Med. Trop. vol.12 no.1 Uberaba Jan./Dec. 1978

https://doi.org/10.1590/S0037-86821978000100012 

Ensaio cinético para reações de fixação de complemento no sistema moléstia de Chagas*

 

 

José Oliveira de AlmeidaI; Therezinha A. CunhaII; Laurentina M. SouzaII

IProfessor catedrático do Dep. de Parasitologia. Microbiologia e Imunologia da Faculdade delMedicina de Ribeirão Preto Un. São Pauço
IITécnicas em Imunologia do Dep. de Parasitologia, Microbiologia e Imunologia da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto

 

 


RESUMO

Um ensaio para a avaliação da reatividade de antígenos de Trypanosoma cruzi, baseado na medida do complemento livre pelo tempo necessário à hemólise de 50% pôde ser aplicado na determinação da dose de máxima reatividade de antígenos, em reações com o sôro chagásico de referência.
Quando se avalia, por método cinético, as quantidades de complemento livre, em reações incubadas, por vários períodos de tempo e se projetam em logaritmos os tempos necessários para 50% de hemólise, contra os tempos de incubação, determinam-se pontos sobre uma reta, cujos parâmetros caracterizam a capacidade fixadora do complemento, dos complexos imunes.
O método cinético se recomenda pela sua precisão, fácil execução e rapidez, na comparação de antígenos, em reações de fixação do complemento.


ABSTRACT

An assay for the evaluation of the antigens reactivity, based in the determination of free complement by the time required for 50% hemolysis, couid be applied for detection of the maximally reactive dose of antigens, in reactions with the reference Chagasic serum.
When the logarithms of the time required for 50% hemoiysis are piotted against the time of incubation, the points describe a reggression Une, whose parameters characterized the combining capacity of the immune-complexes, in reactions with complement.
The kinectic method is recommended for the preiiminary evaluation of antigens, for its precision and reliability.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

1. ALMEIDA, J.O.: o tempo de hemólise nas reações de fixação do complemento. Relações quantitativas entre tempo de hemólise e concentração de complemento. Rev. Brasil. Biol. 9: 249-260, 1549         [ Links ]

2. ALMEIDA, J.O. & FIFE H.E. Jr.: Quantitatively Standardized Complement-Fixation Methods for Critical Evaluation of Antigens Prepared from Trypanosoma cruzi. Scientific Publication no 319. Panamerican Health Organization. 8,6 pgs. 1976        [ Links ]

3. BARACCHINI, O. COSTA, A., & CARLONI. J.: Emprego do calor e do metanol no preparo de antígeno de Trypanosoma cruzi. O Hospital, Rio de Janeiro, 68: 193-199, 1965         [ Links ]

4. FIFE, E.H. Jr. & MUSHEL, L.H.: Influence of magnesium and calcium ions on the hemolytic activity and stability of complement. J. Immunol., 97: 688-695, 1961.         [ Links ]

5. PLESCIA, O.J., AMIRAIAN, K. HEIDEL'BERGER, M.: A kinetic method for the titration of complement. Arch. Biochem., 62: 346-354, 1956         [ Links ]

 

 

Recebido para publicação em 15.1.1978.

 

 

* Trabalho realizado com o auxílio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. SÍP 08/053.

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License